Começam as obras emergenciais de recuperação da BR-135

Após vários estragos e transtornos a veículos e motoristas, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), finalmente, iniciou as obras emergenciais de recuperação dos trechos mais críticos da BR-135.
Os trabalhos começaram na manhã desta quarta-feira, no km 15,6, onde aconteceu o latrocínio que vitimou a bailarina Ana Duarte.
Dnit começa obras emergenciais na BR-135
Os serviços estão sendo realizados pela empresa Ethos. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), hoje as obras são desenvolvidas por duas equipes. Na sexta-feira, dia 01º, serão quatro. E em quinze dias serão oito equipes trabalhando na localidade.
oimparcial.com
Share Button

Prefeito de Itapecuru comete abuso de poder em ano eleitoral

 

Prefeito-Magno-Amorim-e1430342887409-1

O prefeito de Itapecuru-Mirim, Magno Amorim, não perdeu tempo e aproveitou a Semana Santa para trabalhar em prol da sua candidatura. Na quinta-feira (24), ele distribuiu várias cestas básicas na própria residência, que fica próxima à Câmara de Vereadores. Dezenas de pessoas se concentraram na porta do prefeito para receber os alimentos.

O ato eleitoreiro praticado por Magno Amorim é vedado ao agente público, conforme § 10 do artigo 73 da Lei nº 9.504, de 1997. De acordo com o texto, no ano em que se realizar eleição, fica proibida a distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios por parte da Administração Pública, exceto nos casos de calamidade pública, de estado de emergência ou de programas sociais autorizados em lei e já em execução orçamentária no exercício anterior.

Como se observa, o Município de Itapecuru-Mirim não atende aos critérios excepcionais descritos na lei, para que pudesse ocorrer a distribuição das cestas. O ato do prefeito deixa claro a natureza eleitoral da ação, com a finalidade de promover sua reeleição. Interessante, é que o gesto ‘filantrópico’ de Magno Amorim não foi visto nos três primeiros anos do mandato dele.

A conduta do prefeito deve ser apurada pela justiça eleitoral.

IMG-20160329-WA0004

Fonte: Blog do Neto ferreira

Share Button

Prefeitura de Vitória do Mearim gasta R$ 1,5 milhão com salários dos servidores

A Prefeitura de Vitória do Mearim gasta R$ 1,5 milhão com a folha de pagamento de servidores efetivos, comissionados, terceirizados, inativos e pensionistas. Os números correspondem aos valores pagos mensalmente pelo Município.

O gasto com a folha de pagamento na prefeitura vitoriense é um dos mais altos do estado e totaliza uma despesa de R$ 1.593.917,45, segundo documentos obtidos com exclusividade pelo BLOG.

 Vencimentos do funcionalismo de Vitória do Mearim serão divulgados mensalmente pelo blog na internet

Vencimentos do funcionalismo de Vitória do Mearim serão divulgados mensalmente pelo blog na internet

Com população de 31 234 habitantes, Vitória do Mearim possui gasto maior do que as cidades com número de habitantes mais alto. O limite máximo que o Município pode gastar com folha de pagamento é 54% da receita, o que prevê a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

O documento obtido pelo blog revela, ainda, que a administração da prefeita Dóris de Fátima Ribeiro Pearce, a Dóris Rios (PV), conta hoje com 1713 (mil setecentos e treze) servidores. Além dos supersalários, a lista revela ainda uma pratica escancarada de nepotismo.

Prefeita Dóris Rios tem um dos maiores salários do Município

Prefeita Dóris Rios tem um dos maiores salários do Município

As informações sobre salários de servidores são públicas e deveriam ser divulgadas pela Prefeitura na internet atendendo à Lei da Transparência, mas como a prefeita não vem cumprindo a legislação, o blog resolveu revelar os dados para ajudar vereadores da cidade no cumprimento dos trabalhos que é fiscalizar o executivo municipal.

A partir de hoje, os dados remuneratórios serão divulgados pelo blog a cada mês. Clique aqui para ter acesso às informações dos nomes e salários de servidores na prefeitura vitoriense.

blog do Antonio Martins

Share Button