Mineradora Vale deposita royalties retroativos nas contas dos 23 municípios no Maranhão

Os 23 municípios  dos 217 que o Maranhão possui amanheceram com as contas gordas  nesta quinta-feira (16). É que o dinheiro referente aos royalties da mineração a que tem direito essas cidades por serem cortados pela Estrada de Ferro Carajás (EFC) foi pago nesta quarta-feira (15).

Os recursos foram transferidos para uma conta específica, denominada CFM – Departamento Nacional de Produção Mineral, e os valores podem ser consultados por meio do Demonstrativo de Distribuição da Arrecadação do Sistema de Informações Banco do Brasil (SISBB).

Os  retroativa são dos  meses de junho a dezembro de 2018 e de janeiro a abril de 2019, portanto 11 meses, já pode ser usada pelos gestores municipais.

Confira abaixo quanto cada município recebeu em recursos retroativos: 

1. Açailândia:

2. Alto Alegre do Pindaré:

3. Anajatuba:

4. Arari:

5. Bacabeira:

6. Bom Jardim:

7. Bom Jesus das Selvas:

8. Buriticupu:

9. Cidelândia:

10. Igarapé do Meio:

11. Itapecuru Mirim:

12. Itinga do Maranhão:

13. Miranda do Norte:

14. Monção:

15. Pindaré-Mirim:

16. Santa Inês:

17. Santa Rita:

18. São Francisco do Brejão:

19. São Pedro da Água Branca:

20. São Luís:

21. Tufilândia:

 

22. Vila Nova do Martírios:

 

23. Vitória do Mearim:

Foto da capa: uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *