Maranhão: Rodovia interditada por Cratera

Erosão interdita MA-034 no Maranhão

Erosão interdita MA-034 no Maranhão

Uma cratera se abriu em um trecho da MA-034 localizado entre os municípios de Brejo e Chapadinha. O caso foi registrado nesse sábado (17) e parte da rodovia está interditada e apenas veículos leves conseguem trafegar pelo local.

Por conta da cratera, o trafego na MA-034 está interrompido.  (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Por conta da cratera, o trafego na MA-034 está interrompido. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Moradores de comunidades próximas ao local afirmam que durante a madrugada do sábado ouviram o terreno desmoronando e no momento, estava chovendo forte na região. Uma parte do asfalto ainda corre o risco de ceder e por conta disso, os motoristas que precisam passar pela região estão tendo que usar outras rodovias como desvio.

Alguns ônibus que tentavam passar pela BR-034 ficaram pelo caminho e os passageiros tiveram que descer para esperar outros veículos. Os motoristas que seguem viagem dos municípios de Chapadinha e Santa Quitéria, por exemplo, usam a rodovia para chegar as cidades de Caxias e Teresina.

De acordo com moradores de comunidades próximas, erosão se formou durante uma forte chuva na madrugada do sábado (17).  (Foto: Reprodução/TV Mirante)

De acordo com moradores de comunidades próximas, erosão se formou durante uma forte chuva na madrugada do sábado (17). (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Infraestrutura (Sinfra) informou que já está com equipes no local para conter a erosão e reestabelecer o tráfego na MA-034. Ainda segundo a Sinfra, o problema será resolvido o mais rápido possível.

Asfalto pode ceder a qualquer momento na MA-034.  (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Asfalto pode ceder a qualquer momento na MA-034. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

     G1 MA

 

Share Button

EDUCAÇÃO: Governo do Maranhão lança edital de contratação de Professores

O Governo do Maranhão divulgou, nesta sexta-feira (16), editais de processos seletivos simplificados para contratação temporária de professores indígenas Awá Guajá e Ka’apo, para atuarem na Educação Básica, nos municípios de Bom Jardim/URE Santa Inês e Centro do Guilherme, Centro Novo do Maranhão e Santa Luzia do Paruá/URE Zé Doca e para professores para atuarem na Educação Básica, nos cursos do Ensino Fundamental e Médio na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos, nas Unidades Prisionais e em cumprimento de Medidas Socioeducativas. Ao todo, estão sendo disponibilizadas 21 vagas para professores indígenas da etnia Awá Guajá e/ou Ka’apor, e 154 vagas para professores de Educação Básica.

As inscrições serão gratuitas e devem ser realizadas a partir das 0h de terça-feira (20) até às 23h59 do dia 23 (sexta-feira), exclusivamente pelo endereço eletrônico da Secretaria de Estado da Educação (http://www.educacao.ma.gov.br/seletivos-2018/).

O candidato deverá preencher a ficha de inscrição, disponibilizada no portal da Seduc, e entregá-la junto com os documentos e títulos, no período de 20 a 26 de fevereiro, das 13h às 19h, conforme endereços indicados no edital do seletivo, também disponível em www.educacao.ma.gov.br.

O processo seletivo para professores da educação indígena será composto de avaliação de experiência profissional docente, comprovada por documento emitido pelo responsável pela escola indígena e atestado pelo gestor das URE’s de Santa Inês e/ou Zé Doca, conforme município pleiteado pelo candidato, em etapa única e não haverá pagamento de taxa de inscrição. Os candidatos aprovados, dentro do limite de vagas, serão contratados pela Seduc em regime de 20 horas de trabalho semanais.

Já o processo seletivo para professores da educação prisional será realizado em etapa única e será composto de avaliação curricular de títulos e experiência profissional docente na Educação de Jovens e Adultos e no Sistema Prisional e/ou de Medidas Socioeducativas. Os aprovados, dentro do limite de vagas, serão contratados pela Seduc, também, em regime de 20 horas de trabalho semanais.

A divulgação do resultado parcial dos seletivo está prevista para o dia 14 de março. Já a homologação do resultado final para professores da educação indígena esta prevista no dia 22 de março, e para professores da educação prisional, para o dia 23 de março de 2018.

A Seduc informa, ainda, que o processo seletivo ocorre sem prejuízos ao concurso público já previsto para este ano.
Confira mais informações acessando aqui: http://www.educacao.ma.gov.br/seletivos-2018/

Share Button

Prefeitura de São Luis divulga prazo para inscrições do concurso público

A Prefeitura de São Luís anunciou que as inscrições para o concurso da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas) estão abertas até o dia 28 de fevereiro. O certame prevê vagas para cargos de nível superior, com cadastro de reserva. São 52 vagas, incluindo as reservadas para candidatos com deficiência. O concurso será executado pela AOCP Concursos Público.

De acordo com a Prefeitura, a remuneração inicial bruta será de R$ 2.036,25. São 28 vagas para de profissionais da área de Serviço Social, com cinco vagas reservadas para candidatos com deficiência. Também estão sendo oferecidas cinco vagas para a área de Direito, sendo uma vaga para candidato com deficiência; e 19 vagas para psicólogos, três reservadas para pessoas com deficiência.

Conforme cronograma do edital, a prova do concurso será realizada ainda no primeiro semestre de 2018, segundo a Prefeitura. A taxa de inscrição é de R$ 100,00 e o processo avaliativo será constituído de prova objetiva, prova dissertativa (a serem realizadas no mesmo dia e com caráter eliminatório e classificatório) e avaliação de títulos (com caráter classificatório), com os critérios e informações especificadas no edital.

Share Button